quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Nostalgia?



Tenho percebido ultimamente que as pessoas a minha volta andam bem nostálgicas. Relembrando o passado, querendo que o tempo volte atrás, querendo viver uma época que não viveu, ser criança outra vez... Sentir saudades é compreensível (eu morro de saudades, por exemplo, de jogar fliperama, comer macarrão doce e do cheirinho da boneca Moranguinho da minha irmã) e é claro que muita coisa mudou no mundo, eu sei, mas daí acreditar que tudo no passado era perfeito é uma grande balela!
É um fato. As pessoas eram igualmente cruéis, alguns políticos eram igualmente corruptos, as pessoas matavam como hoje, havia exploração, desigualdade social, padrões de beleza...
Sim, até concordo que hoje há bombas atômicas e a possibilidade de voarmos pelos ares a qualquer instante, alimentos transgênicos, aquecimento global, novas doenças... Mas hoje as mulheres votam, exercem a cidadania votando em um idiota qualquer que irá f* suas vidas. Mas podem ESCOLHER quem será esse idiota. Ah, la vie en rose!
Muitas vezes me pego pensando se eu não queria voltar alguns anos no tempo e ser, sei lá, uma menina de 15 anos outra vez. Obvio que não! Eu não podia passar a noite fora, não tinha dinheiro para sair se não pedisse aos meus pais, não entrava em muitas casas de show por causa da idade, não podia comprar bebidas, era um ser manipulado (ainda sou, mas gosto de ter a ilusão que não) pela mídia, invejava a porcaria de um all star, achava-me (ainda acho, mas nem tanto) o ser mais feio sobre a face da Terra, não tinha a experiência de vida que tenho hoje, era obrigada a estudar química, física, biologia...
Definitivamente, não! Prefiro minha idade, meu tempo agora. Isso de sentir saudade de polainas é um saco! É negar toda uma vida, todos os erros, acertos. É ter medo de encarar o futuro. É não aceitar que toda idade tem sua beleza, sua liberdade, sua responsabilidade. É negar viver. É se negar.
Revival do passado só se for em festas em comemoração ao presente. Aí visto minhas polainas, meu prendedor de cabelo à la Cindy Lauper, minha bota da Xuxa, minha blusa da She-ra... Ai, ai, que saudades... SAUDADES, não vontade de voltar aos anos 80. Deus me livre e guarde!

5 comentários:

eliude bruno disse...

..é e..é..e 'é por isso que os românticos eram chamados de fracos', burgueses, filhos da puta, que não tinham o que fazer, e......
..já pensei bastante que essa sensação ''de hoje esta ruim e ontem foi bom'' não passa apenas da nossa mente criativíssima remanejando as rugas e as baratas de ontem como se fosse umh photoshop mesmo, e trnsformando tudo em risos e borboletas nos sonhos de nossas lembranças..

<.>

mui bom blog

divulgar-se-á

:p

Anne disse...

As pessoas têm o costume de supervalorizar o passado, é comum encontrar quem o faça com frequência.

As vezes me pego valorizando minhas reminiscências, e, sei q não são apenas ilusões, sei q meu passado foi muito bom e qnd criança não tinha tanta preocupação como hoje em dia. Vivi coisas maravilhosas, tive momentos inesquecíveis, tenho consciência de q não forão só flores. Só acho q cada tempo tem seus pontos positivos e negativos.

Voltar para o passado ou se manter no futuro tem suas dificuldades, vivemos o hoje e somos como somos hoje, pq tivemos um passado, feliz ou infeliz.

Gosto de ser assim (sei q poderia ser melhor), e as vezes gostaria de voltar p passado sim! (naum vou mentir). Mas qria ir lá, passar um tempo e voltar, talvez ficar muito tempo lá.

Cada um tem seus motivos p ir e p voltar, quais são mais intensos depende de quem viveu.

E maga tu deixa de coisa q tu mal lembra dos anos 80, com 3 anos tudo é embaçado...

Anne disse...

Outra coisa, algumas vezes supervalorizamos situações q nem faz tanto tempo assim q vivemos.

Posso citar como exeplo um daqueles dias q o povo sai e é "qse" a maior morgação, fica um olhando p cara do outro, dá uma dançadinha aqui, passa por alí... e depois sai gritando aos 4 cantos do mundo q "aquele dia foi foooooooooooda"...


Acontece...

fabiana disse...

..a pessoa pode achar que a fase de quando criança era melhor e tal e daíí querer até voltar no tempo..achar que aquele tempo é melhor..as vezes, não é meramente ilusão sabe! as vezes realmente existe uma fase na sua vida que é o máximooo! mas claro que o seu conhecimento de mundo também influencia para isso.~~ Por isso que as maioria das pessoas que ouço, dizem que a melhor fase é de quando criança mesmo>> não se preocupar com responsabilidades, comer se lambuzar e não ter um monte de ET olhando p/ vc, correr, brincar, ter energia de sobra, não conseguir capitar ainda algumas maldades extremamente cruéis desse mundo.;,~~ vida assim é bom demais! o conhecimento tem seus dois lados! saber e ser felizz não é p/ qualquer um não![:p] bye ladylylalouca

Matheus B. disse...

Teu blogue é bom.

A nostalgia é o refúgio de uma geração descrente no futuro.

Avante, seja lá o que for! Navegar é preciso. :)